anuncie Sup Fixo   anuncie Sup Fixo direito
 
 
Busca:  

Fale Conosco
 
     
TOPCINEPLEX
PAULÍNIA
Governo do Estado confirma que Paulínia investiga 3º caso importado de febre amarela

  Paulínia investiga o terceiro caso importado de febre amarela no município, segundo a Secretaria Estadual de Saúde. Trata-se de um homem que viajou para as regiões de Araraquara e Sorocaba, onde há municípios com recomendação para vacina.

  O paciente é morador de Cosmópolis, está internado no Hospital Municipal de Paulínia e não corre risco de morrer, de acordo com o governo do Estado. Também não está descartada a hipótese de dengue e febre maculosa.

Paulínia já teve dois casos importados de febre amarela neste ano. No início de janeiro, a professora da rede municipal de Educação morreu depois de ser infectada pelo vírus durante uma viagem a Delfinópolis (MG), perto da Serra da Canastra. A sobrinha dela de 32 anos também pegou a doença e se recuperou.

 Apesar do terceiro caso em investigação de febre amarela, Paulínia não é considerada zona de risco nem está com recomendação para vacinação contra a doença. Somente deve tomar a dose quem for viajar para municípios com surto da infecção. Confira as regiões classificadas de riscoaqui.

 No estado de São Paulo, ocorreram sete mortes por febre amarela. Em cinco casos, as infecções ocorreram em Minas Gerais. As outras duas transmissões foram nos municípios paulistas de Américo Brasiliense e Batatais. Além disso, são analisados 23 casos de pessoas que foram ou são tratadas por suspeita de febre amarela.

 

24hs

VoltarVoltar
   
A1 paulinia
                 
A11 Anuncie Aqui   A10
Todos os direitos reservados - 2017 - Veja Paulinia